quinta-feira, 27 de junho de 2013

Paraty



O deslumbramento tem início no caminho entre o Rio de Janeiro e Paraty,  a cidade colonial considerada Patrimônio Histórico Nacional.

Fiz o percurso, de aproximadamente 250 km, de ônibus e fiquei encantada com as vistas que a BR-101 (Estrada Rio-Santos) nos proporciona. 
Sempre ao longo do litoral, passamos por várias praias, sendo Angra dos Reis a mais famosa e conhecida.

Uma pena estar de ônibus, pois o ideal seria um carro para poder parar sempre que desse vontade de curtir mais demoradamente o visual.

Paraty é muito bem dividida: de um lado, a cidade “nova” com suas lojas e ruas e no outro, a cidade histórica, fundada em 1667, vetada para automóveis, permitida somente para pedestres e charretes .


A cidade "normal"

sexta-feira, 21 de junho de 2013

XII Mini Maratona de Paraty - 24/3/2013



Faz quase 3 meses, mas somente agora estou tendo tempo pra escrever sobre a XII Mini Maratona de Paraty, prova de 18km que há tempos pertencia à minha listinha de sonhos tanto pelo percurso, na famosa estrada Rio-Santos como pela própria Paraty, que eu tinha muita vontade de conhecer.

Por ser realizada no mês de março, muitas vezes li relatos de que  a prova aconteceu debaixo de chuva, mas eu tive sorte, pois a única chuva que caiu nos dias em que estive por lá, foi na noite da véspera da corrida.

No sábado pela manhã, antes de partir no meu passeio de saveiro, fui logo garantir meu kit na praça principal da cidade histórica.
Não havia muita gente, mas a organização deixou a desejar, no que foi totalmente perdoada no dia seguinte, com tudo saindo muitíssimo bem.



quinta-feira, 13 de junho de 2013

Treino TDB (tudo de bom)!!!



Sempre  digo que muitos treinos com amigos valem mais que muitas provas e sábado passado com certeza foi um desses treinos especiais, com amigos e em meio a uma natureza e paisagens exuberantes.

O treino começou às 7 horas, na Terra na Veia, um parque destinado aos praticantes de mountain bike, localizado na fazenda da cachaça Colonial, entre os municípios de Maranguape e Maracanaú.


A caminho, no rastro do Djacir

sábado, 8 de junho de 2013

São Luís, a Ilha do Amor



E São Luís, a cidade dos azulejos, dos casarões, do Bumba Meu Boi, do poeta Ferreira Gullar, do Zeca Baleiro, do guaraná Jesus, a única cidade brasileira fundada pelos franceses e conhecida como Ilha do Amor?

A cidade que eu não conhecia tem duas  opções de hospedagem: ou fica-se na orla ou no centro histórico.
Preferi me concentrar no lado histórico da cidade e fiquei hospedada em  uma pousada muito bem localizada para quem quer ficar nessa região.


O famoso Guaraná Jesus

segunda-feira, 3 de junho de 2013

III Super Ar - Corrida Vale - São Luís-MA - 02-6-2013



Mais uma meia maratona e dessa vez em uma capital nordestina que eu não conhecia: São Luís do Maranhão.

A corrida foi a Super Ar, organizada pela empresa Vale, com provas de 5, 10 e 21km. 

Com o “Projeto de Corrida e Caminhada” para funcionários da empresa, em 2011 a Vale resolveu realizar sua 1ª. corrida de rua, aberta à comunidade, com os percursos de 5 e 10km. Em 2012 os 21km foram incluídos ao evento, que neste ano foi homologado pela Confederação Brasileira de Atletismo.

Além de promover a corrida voltada para uma consciência de melhoria da saúde e bem estar, a Vale doa o dinheiro arrecadado nas inscrições para uma associação comunitária.

A entrega do kit foi feita no Parque Botânico Vale (http://www.vale.com/PT/aboutvale/initiatives/botanic-park-SL/Paginas/default.aspx), local destinado ao lazer e educação ambiental, com muito verde, trilhas, exposições e um orquidário, que infelizmente estava fechado.


Interior do Parque Botânico Vale