quarta-feira, 17 de maio de 2017

Essaouira e El Jadida. Duas cidades marroquinas na rota portuguesa para o Brasil



A partir do segundo dia, nossa viagem pelo Marrocos passou a ser de carro e o primeiro destino foi a cidade de Essaouira, antigamente chamada de  Mogador pelos portugueses que dominaram o local.

Pegando a estrada
No caminho de ida, parada obrigatória em uma das cooperativas de argan da região. O argan é muito conhecido por nós, brasileiras, principalmente pelo seu óleo bastante utilizado nos cabelos. Lá na cooperativa, todo o processo de quebra da semente (retirada da arvora Argânia, abundante na região), torrefação, moagem e extração do óleo é explicado e depois somos levados a uma sala com diversos produtos. Não somente o óleo de cabelo, mas hidratantes, sabonetes, cremes e até um azeite e um patê deliciosos.

Na cooperativa de argan

Abastecidas com os produtos do "ouro líquido do Marrocos", seguimos em direção a Essaouira, Patrimônio Mundial da UNESCO, onde me deparei com um belo calçadão à beira de uma larga faixa de areia, com muitos dromedários descansando à espera de turistas e, no mar, velas e velas de kite e windsurf, esportes que atraem muitos praticantes europeus para o local.
Devido a minha reclamação anterior da falta da minha cervejinha, nessa hora o guia me perguntou se queríamos comer nos famosos mercados de peixe já dentro da Medina ou se queríamos ir a um local onde tivesse cerveja.
Foi a cerveja mais saborosa da viagem! Hahaha Acompanhada de sardinha frita, especialidade da região.


Sardinha, crustáceos e minha 1a cerveja marroquina

Depois da cerveja com sardinha, já acomodadas no Riad, fomos caminhar e conhecer a Medina.
Como sempre, as mesmas ruazinhas estreitas de comércio para todos os gostos, mas dessa vez, bem mais voltado para o turismo, que é grande na cidade e pelo visto  estão investindo para que ele cresça mais ainda, pois está sendo construído um porto novo, moderno e bonito. Em razão dessa construção, os famosos barquinhos azuis de Essaouira ficaram um pouco espremidos no porto antigo, mas deu pra gente tirar belas fotos, apreciar o voo das milhares de gaivotas e terminar o dia com um belíssimo por do sol à beira mar.

Essaouira
 Como o dia foi cansativo e no dia seguinte tínhamos que partir pra El Jadida pela manhã, nos recolhemos ao hotel, mas, a depender da quantidade de turista, de barzinhos e de restaurantes, a noite tinha cara de promessa....

Por do sol em Essaouira

El Jadida entrou no roteiro da viagem, única e exclusivamente por causa da meia maratona, mas foi uma grata surpresa!
Situada à beira mar, como Essaouira, no passado também foi dominada pelos portugueses (1506/1769), que utilizavam essas duas cidades na costa atlântica do Marrocos como parada nas navegações entre Portugal e o Brasil ou outras cidades  na própria África. Nessa época era chamada de Magazão.
Em 1769, antes dos marroquinos retomarem de vez a cidade, o Marquês de Pombal ordenou que ela fosse incendiada e os portugueses que ali residiam fugiram e estabeleceram-se no Brasil, no estado do Amapá, onde até hoje existe a cidade de Magazão, mesmo nome da El Jadida "portuguesa".
Agradeci aos portugueses, bem como à meia maratona, a alegria de conhecer a bela Cidadela Portuguesa que, como diz o nome, foi construída pelos antigos dominadores e permanece ainda hoje com suas muralhas, nas quais pode-se caminhar por muito tempo, sempre com uma vista linda do oceano atlântico de um lado e da cidade do outro. Dentro da muralha, vida que segue na antiga cidade fortificada,  com seus moradores, suas cisternas subterrâneas, algumas lojinhas de artesanato e alguns restaurantes.

Pelas muralhas da Cidadela Portuguesa

O mais legal que achei em El Jadida foi o fato de, por ser uma cidade menos turística do que as demais, eu poder observar melhor a vida dos habitantes locais. Como era um domingo, o calçadão de frente para a praia e fechado para carros, estava com um movimento grande de pessoas passeando. Na areia, muito (mas muito mesmo!) homens e crianças jogando futebol, algo que me impressionou no Marrocos, a quantidade de gente que joga futebol!
Além do futebol, uma ou outra tenda com pessoas se divertindo, camelos para passear e até mesa de sinuca e totó para jogar. Só não tinha mesmo era ninguém tomando banho de mar.....

Domingo de praia

El Jadida também é famosa por suas sardinhas e frutos do mar e existem uns restaurantes locais que servem a iguaria, mas optamos por comer dentro da Cidadela Portuguesa uma típica tagine de frango.
Adorei El Jadida e a dica é: se você vai de Essaouira para Casablanca, dá uma paradinha lá, conhece a Cidadela Portuquesa, sobe em suas muralhas para apreciar a vista e depois segue para Casablanca. Vale à pena!

Por do sol em El Jadida


Dicas para quem vai:

Hospedagem em Essaouira: Riad Maison Du SudMuitíssimo bem localizado, excelente pousada. http://www.riad-maisondusud.com/

Hospedagem em El Jadida: Riad Soleil D'Oriente.  O melhor Riad de todos pelos quais passamos. Excelente quartos, excelente atendimento, excelente cozinha e a 10 minutos de caminhada da Cidadela Portuguesa. http://www.riadsoleildorient.net/




Mais Fotos: 



Parada na estrada

Ponto turístico na estrada: as cabras na árvore. Pé de cabra.

Ensinando o processo de extração do óleo de argan

video
Vídeo na cooperativa: https://www.youtube.com/watch?v=b3woEHRBA4I

Escolhendo os produtos de argan

A cooperativa de argan

E a árvore de argan

Essaouira vista ao longe
E vista do terraço do nosso riad

Nosso riad em Essaouira - Riad Maison Du Sud

Nosso riad em Essaouira

Ruas da cidade

Muralhas do antigo forte







O mercado de peixe e seus restaurantes


Uma das portas de entrada para a medina




Típicos barquinho azuis




Praia de Essaouira

Sempre o futebol


Ainda do riad de Essaouira

Calçadão à beira mar





Ops! Da janela do carro....


A caminho de El Jadida

El Jadida:

Futebol na praia de El Jadida


Calçadão à beira mar


Totó, sinuca e camelos. É só escolher a diversão do domingo
Ruas da Cidadela Portuguesa




video
Vídeo de uma manhã animada de domingo nas muralhas da Cidadela Portuguesa em El Jadida
https://www.youtube.com/watch?v=SO0lPHrw3-k

Vista de dentro das muralhas









Interior das "Cisternas"




As muralhas da Cidadela Portuguesa vistas do exterior

Torre da Mesquita de El Jadida vista do terraço do nosso riad
 
Jantar no riad de El Jadida


Riad Soleil D'Oriente. Riad de El Jadida

Riad Soleil D'Oriente. Riad de El Jadida

Um comentário:

JOSÉ AMÂNCIO NETO - CORREDOR DA 3ª IDADE disse...

Maravilha amiga Lia! Você, além de corredora, Muito boa, diga-se de passagem, é uma ótima jornalista, narradora, escritora! Enfim, eclética. Já disse que você me mata de inveja, boa é claro, dessas viagens que faz! Como você sabe aproveitar a vida. Parabéns. Fiz turismo com você, lendo o texto e vendo as fotos. Simplesmente show! Um forte abraço.